Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

Especialista indica fatores que permitem os S-400 superar defesa americana

Os sistemas de defesa antiaérea russos S-400 superam os equipamentos similares fabricados pelos Estados Unidos. Especialista russo explica todos os aspetos em detalhe.


Sputnik

Para o cientista político Dmitry Mikheev, uma das principais vantagens do S-400 russo é a capacidade de manobra.

Complexos S-400 Triumph lançam mísseis durante treinamentos da Força Aeroespacial da Rússia
Lançamento do S-400 Triumph © Sputnik / Ruslan Krivobok

"O S-400 é o melhor sistema do mundo, mas agora o S-500 está surgindo, e assim por diante. Os sistemas americanos têm uma séria desvantagem: disparam em uma direção e, para disparar noutra, têm que dar uma virada. Enquanto os nossos são acionados e podem logo manobrar", declarou ao canal russo Zvezda.

Ao mesmo tempo, o especialista acrescentou que os sistemas russos também atingem velocidades mais altas e podem ser lançados mais rapidamente.

"Isso é muito importante porque ganhar alguns minutos pode ser crucial", assegura.

Recentemente, no início de março, os novos sistemas de defesa aérea S-400 Triumph entraram em funcionamento na província russa de Kaliningrado, no noroeste da Rússia.

Os mísseis S-400 chegaram a Kaliningrado — um estratégico enclave russo entre a Polônia e a Lituânia — vindos do polígono de Kapustin Yar, onde se realizaram vários treinamentos.

O sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler na classificação da OTAN) é capaz de derrubar aparelhos aéreos de tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro, mísseis balísticos táticos e tático-operacionais. Os mísseis interceptores terra-ar S-400 têm um alcance de até 400 quilômetros e são duas vezes mais eficazes que seus antecessores.

O sistema S-400 Triumph é um sistema de mísseis de defesa antiaérea capaz de eliminar alvos aéreos furtivos, mísseis de cruzeiro, mísseis balísticos, inclusive de médio alcance, podendo também ser usado contra alvos terrestres.

Além disso, o S-400 possui um alcance de engajamento até 600 km, sendo capaz de atingir alvos em altitudes de até 30 km. Um regimento de lançadores de mísseis S-400 é composto por 16 lançadores múltiplos com quatro mísseis cada um.

Notebook Acer A315-51-347W Intel Core i3 4GB - 500GB LED 15,6” Windows 10
Notebook Acer A315-51-347W Intel Core i3 4GB - 500GB LED 15,6” Windows 10

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas