Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Venezuela está a ponto de iniciar 2ª fase dos grandiosos exercícios militares

Na quarta-feira (13), a vice-presidente da Venezuela, Delcy Rodríguez, anunciou que a segunda fase das manobras militares começaria ainda nesta semana.


Sputnik

De acordo com a mídia venezuelana, a segunda fase dos grandiosos exercícios militares será realizada para garantir a proteção das redes de energia elétrica e dos sistemas de abastecimento de água.


Soldados durante uma parada militar na Venezuela
© AP Photo / Ariana Cubillos

"No fim de semana que está chegando, os exercícios militares Rota de Ana Karina vão ser retomados na segunda fase", de acordo com citação da vice-presidente bolivariana na emissora estatal na quarta-feira. A primeira fase dos exercícios militares, chamada de Angostura, ocorreu em meados de fevereiro.

O anúncio surge após o blecaute, que durou quase uma semana e que foi considerado pelas autoridades venezuelanas "sabotagem" na Hidrelétrica de Guri, responsável por 80% de toda a energia fornecida à nação.

No início desta semana, o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, declarou que duas pessoas foram detidas por suspeita de tentativa de danificação da rede elétrica, acrescentado que Washington foi o principal responsável pelo blecaute.

O apagão durou praticamente uma semana, de quinta-feira (7) a quarta-feira (13), tendo atingido 21 dos 23 estados do país. Muitos pontos de extração de petróleo foram afetados pela falta de energia.

Maduro responsabilizou os EUA pela guerra energética contra a Venezuela. Washington, por sua vez, negou qualquer tipo de participação.
O país sul-americano vem enfrentando grave instabilidade política.

No dia 5 de janeiro, o deputado Juan Guaidó foi eleito presidente da Assembleia Nacional, que desde 2016 não é reconhecida pelo governo de Nicolás Maduro, que tomou posse para assumir segundo mandato no dia 10 de janeiro.

Em 23 de janeiro, dois dias após o Supremo Tribunal ter anulado seu mandato, Guaidó se declarou presidente interino da Venezuela. Os EUA e outros 50 países reconheceram Guaidó como presidente interino. Por outro lado, países como a Rússia, China, Cuba, Bolívia e outros manifestaram apoio ao governo legítimo de Maduro.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas