Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Os mísseis russos que se tornaram alvo de disputa entre EUA e Turquia

A Turquia, dona do segundo maior Exército entre os 29 países que compõem a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), está prestes a adquirir mísseis antiaéreos S-400.
BBC News Brasil

Os S-400 são os mísseis "terra-ar" mais avançados do mundo e se tornaram motivo de uma disputa entre Turquia e Estados Unidos que pode ameaçar a aliança militar das potências ocidentais.

Isso porque os S-400 são fabricados na Rússia, o principal rival da organização fundada em 1949 justamente para se opor à então União Soviética.

A insistência da Turquia em adquirir os mísseis russos irritou os Estados Unidos, que encaram a decisão como uma potencial ameaça para seus aviões de combate F-35, também em vias de serem comprados pelos turcos.
Troca de farpas

"Não ficaremos de braços cruzados enquanto os aliados da Otan compram armas dos nossos adversários", advertiu o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, durante um encontro organizado há poucos dias em Washington para celebrar o aniversár…

LAAD 2019: Akaer apresenta o Mosquito, conceito de avião de ataque leve

A empresa brasileira Akaer apresenta na exposição LAAD Defence & Security 2019 a aeronave conceitual Mosquito.


Poder Aéreo

O bimotor multimissão Mosquito conceitualmente realizaria missões como o apoio aéreo aproximado (CAS); inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR); ISR armado; e reabastecimento aéreo. Também poderia realizar busca e salvamento de combate (CSAR); inteligência de comunicação; defesa aérea; comando e controle aéreo (C2); e interdição no campo de batalha.


Reprodução

Fernando Ferraz, diretor de operações da Akaer, disse ao Jane’s em 3 de abril que o Mosquito é o resultado de um esforço de dois a três anos para identificar as necessidades e tendências do mercado de aeronaves de ataque leve. A empresa, disse ele, também passou por 10 projetos diferentes antes de se decidir por esse modelo, tentando misturar muitos requisitos de todo o mundo.

“Estamos tentando misturar algumas tendências”, disse Ferraz. “Isto é o que deveria ser um produto capaz de cumprir todos os desejos que pudéssemos encontrar.”

Ferraz disse que um fornecedor de motores para o Mosquito não foi finalizado, mas a empresa conceitualmente usou o sistema de propulsão de 500-1.000 hp da classe Pratt & Whitney Canada PT6A. Um fornecedor de motores estaria de acordo com o pedido do cliente.

O Mosquito se diferenciaria de aeronaves de ataque leve concorrentes, como o Embraer A-29 Super Tucano ou o Textron AT-6 Wolverine, proporcionando melhor visibilidade.

Ferraz disse que a Akaer projetou conceitualmente o Mosquito com asas altas sobre a fuselagem, enquanto o o Super Tucano e o Wolverine têm asas baixas.

A configuração do Mosquito lembra o antigo North American Rockwell OV-10 Bronco empregado na Guerra do Vietnã.

Aviao De Madeira 17 Peças - Carlu

Aviao De Madeira 17 Peças - Carlu

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas