Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

Turquia diz estar disposta a rever critérios do S-400 se EUA comprovarem ameaça do sistema

Turquia pode alterar alguns parâmetros técnicos do sistema de defesa antiaérea S-400, caso os EUA provem que o sistema russo é ameaçador, declarou o vice-ministro da Defesa turco Hulusi Akar.


Sputnik

Comentando o pedido norte-americano para suspender o acordo de compra de sistemas russos S-400, o ministro turco ressaltou que linguagem ameaçadora e de ultimatos é inaceitável. 

Sistema de mísseis anti-aeronaves S-400
S-400 Triumph © Sputnik / Ruslan Krivobok

Segundo Hulusi Akar, durante as últimas negociações em Moscou, a Rússia afirmou que pode fornecer sistemas S-400 à Turquia em junho, mas é necessário levar em consideração o prazo da entrega e a adesão dos complexos no armamento turco.

"S-400, muito provavelmente, vão proteger estrategicamente importantes cidades da Turquia e instalações na região de Istambul e Ancara. Ao mesmo tempo, os caças F-35 serão instalados em base aérea na cidade turca de Malatya. Essas cidades estão localizadas longe uma da outra. Se norte-americanos comprovarem existência de ameaça, nós vamos alterar os parâmetros dos sistemas S-400", disse o ministro durante visita aos EUA, citado pela agência Anadolu.

"O acordo dos sistemas de defesa antiaérea S-400 e a participação da Turquia no programa de elaboração dos caças de quinta geração F-35 não estão relacionados de jeito nenhum […] Há S-400 instalados na Síria, já no vizinho Israel se encontram F-35. Contudo em Washington ninguém expressou preocupação com isso. Temos a mesma situação no mar Báltico", declarou Akar.

O ministro da Defesa turco acrescentou que Ancara continua dialogando com Washington sobre as condições para venda do sistema norte-americano de defesa antiaérea Patriot.

Os EUA acreditam que os sistemas russos S-400 são incompatíveis com os padrões da OTAN, chegando a ameaçar a Turquia com sanções e com o cancelamento da venda de caças F-35 caso o país prossiga com a compra de sistemas russos.

Micro-ondas Consul 20L - CM020BFBNA

Micro-ondas Consul 20L - CM020BFBNA 220V

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas