Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã ameaça romper limite de reservas de urânio; entenda o que país pode fazer se sair de acordo nuclear

Sem regulação, país pode adotar equipamentos mais modernos e rápidos e ampliar volume de enriquecimento de material que pode ser usado em armas nucleares. Acordo foi firmado em 2015 entre Irã e mais seis países, mas Trump retirou EUA em maio de 2018.
Associated Press

O Irã anunciou que irá exceder o limite de reservas de urânio determinado pelo acordo nuclear de 2015, ampliando as tensões no Oriente Médio.

O prazo de 27 de junho dado por Teerã vem antes de outra data limite, 7 de julho, para que a Europa apresente melhores termos para que o país permaneça no acordo. Se essa segunda data passar sem nenhuma ação, o presidente iraniano Hassan Rouhani diz que a república islâmica irá provavelmente retomar o alto enriquecimento de urânio.

Veja a seguir em que situação está o programa nuclear do Irã atualmente:

O acordo nuclear

O Irã fechou um acordo nuclear em 2015 com Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China. O acordo, formalmente conhecido como Plano de Ação Conjunto Abran…

Com forte presença 80 anos atrás, caça soviético Yak-9 segue imponente; veja vídeo

Modelo fabricado entre 1942 e 1948 participou da Segunda Guerra. Na época, foram produzidas 16.769 unidades da aeronave, tornando-a a mais numerosa do conflito.


Jakob Orekhov | Russia Beyond

Os Yak-9 participaram de seus primeiros combates no final de 1942, durante a Batalha de Stalingrado. Algumas unidades da aeronave foram curiosamente empregadas na escolta dos bombardeiros norte-americanos B-17 ‘Fortaleza voadora’ e B-24 ‘Libertador’, que realizaram missões contra a Romênia. 


Resultado de imagem para yak-9
Yakovlev Yak-9 | Reprodução

Após a Segunda Guerra Mundial, o caça russo passou a compor o arsenal da Força Aérea de vários países, como Albânia, Polônia, Hungria e Coreia do Norte.



Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas