Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã ameaça romper limite de reservas de urânio; entenda o que país pode fazer se sair de acordo nuclear

Sem regulação, país pode adotar equipamentos mais modernos e rápidos e ampliar volume de enriquecimento de material que pode ser usado em armas nucleares. Acordo foi firmado em 2015 entre Irã e mais seis países, mas Trump retirou EUA em maio de 2018.
Associated Press

O Irã anunciou que irá exceder o limite de reservas de urânio determinado pelo acordo nuclear de 2015, ampliando as tensões no Oriente Médio.

O prazo de 27 de junho dado por Teerã vem antes de outra data limite, 7 de julho, para que a Europa apresente melhores termos para que o país permaneça no acordo. Se essa segunda data passar sem nenhuma ação, o presidente iraniano Hassan Rouhani diz que a república islâmica irá provavelmente retomar o alto enriquecimento de urânio.

Veja a seguir em que situação está o programa nuclear do Irã atualmente:

O acordo nuclear

O Irã fechou um acordo nuclear em 2015 com Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China. O acordo, formalmente conhecido como Plano de Ação Conjunto Abran…

Destróier britânico atinge drone com míssil supersônico (VÍDEO)

O vídeo mostra o destróier disparando um míssil Sea Viper, que atinge quatro vezes a velocidade do som, para interceptar um drone que estava simulando um ataque ao navio.


Sputnik

Com um míssil de rastreamento, o contratorpedeiro Tipo 45 conseguiu eliminar o alvo em movimento rápido e a baixa altitude, atingindo-o no menor tempo possível.


Destróier HMS Defender Tipo 45 da Marinha Real britânica em Glasgow, Escócia
HMS Defender © Foto : Ministério da Defesa do Reino Unido/ Thomas McDonald

A Marinha Real britânica divulgou imagens do HMS Defender testando o sistema de mísseis antiaéreos PAAMS (Principal Anti Air Missile System) de última geração, neste domingo (20).

"Provar a eficácia do sistema Sea Viper contra um alvo mais desafiante tranquiliza-nos quanto à capacidade do HMS Defender de realizar operações como destróier de defesa aérea", explicou o comandante, Daniel Lee.

O lançamento ocorreu durante os exercícios Formidable Shield 2019 (Escudo Formidável 2019) da OTAN ao longo da costa da Escócia.



Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas