Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã ameaça romper limite de reservas de urânio; entenda o que país pode fazer se sair de acordo nuclear

Sem regulação, país pode adotar equipamentos mais modernos e rápidos e ampliar volume de enriquecimento de material que pode ser usado em armas nucleares. Acordo foi firmado em 2015 entre Irã e mais seis países, mas Trump retirou EUA em maio de 2018.
Associated Press

O Irã anunciou que irá exceder o limite de reservas de urânio determinado pelo acordo nuclear de 2015, ampliando as tensões no Oriente Médio.

O prazo de 27 de junho dado por Teerã vem antes de outra data limite, 7 de julho, para que a Europa apresente melhores termos para que o país permaneça no acordo. Se essa segunda data passar sem nenhuma ação, o presidente iraniano Hassan Rouhani diz que a república islâmica irá provavelmente retomar o alto enriquecimento de urânio.

Veja a seguir em que situação está o programa nuclear do Irã atualmente:

O acordo nuclear

O Irã fechou um acordo nuclear em 2015 com Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China. O acordo, formalmente conhecido como Plano de Ação Conjunto Abran…

Ministro da Defesa foi conferir o desenvolvimento do míssil A-Darter na África do Sul

Nesta segunda (27), durante viagem oficial à África do Sul, o Ministro da Defesa, Fernando Azevedo, esteve na apresentação institucional do Grupo Denel. Ele estava acompanhado pelo Embaixador do Brasil, naquele país, Nedilson Ricardo Jorge, e pelos Adidos: de Defesa e Naval no país, Capitão de Mar e Guerra Pedro Silva Filho; do Exército, Coronel Isais Martins Junior; e aeronáutico, Coronel Aviador Gustavo Luis da Silveira e Eliseu.


Poder Aéreo

Pretoria, África do Sul – Para o ministro Fernando, foi uma oportunidade de verificar in loco o projeto do míssil A-Darter, que está em fase final de desenvolvimento na empresa sul-africana. A próxima etapa será a integração do projeto ao Gripen, nova aeronave de caça da Força Aérea Brasileira (FAB).


Após uma breve apresentação, realizada por representantes de empresas parceiras envolvidas no projeto, o ministro e sua comitiva puderam conhecer as instalações da Denel e receber informações sobre o sistema de funcionamento do míssil e as potencialidades das empresas participantes.

O projeto do míssil A-Darter permite a transferência de conhecimento, o desenvolvimento desse tipo de tecnologia e a possibilidade de geração de empregos, já que para o citado desenvolvimento são envolvidas empresas brasileiras e africanas.

O Ministro da Defesa enalteceu a parceria, sobretudo, pelo fortalecimento da confiança entre os países e a elevação da capacitação técnica dos brasileiros. “O Brasil tem dimensões continentais e merece Forças Armadas compatíveis com o tamanho da representatividade geoestratégica que possui”, disse.
A-Darter

O A-DArter é um míssil ar-ar de curto alcance, com imageamento infravermelho, de alta manobrabilidade e de quinta geração, desenvolvido conjuntamente pelo Brasil e África do Sul.

No sábado (25), Fernando Azevedo representou o Presidente Jair Bolsonaro na solenidade de posse do presidente reeleito da África do Sul, Cyril Ramaphosa.

FONTE: Ministério da Defesa

Frigobar Brastemp 76L Amarelo - Retrô

Frigobar Brastemp 76L Amarelo - Retrô 110V

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas