Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump diz que 'certamente' entraria em guerra com o Irã, mas 'não agora'

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que consideraria uma ação militar contra o Irã para impedir que a República Islâmica consiga armas nucleares. A briga entre Teerã e Washington aumentou depois que os EUA acusaram o Irã de atacar dois petroleiros.
Sputnik

"Eu certamente vou considerar as armas nucleares", disse Trump à revista Time na terça-feira, quando perguntado sobre o que poderia levá-lo a declarar guerra ao Irã. "E eu manteria o outro um ponto de interrogação".

A reportagem não especificou se o presidente elaborou o cenário de lançar um conflito armado de pleno direito com a República Islâmica sobre seu programa nuclear. Quando um repórter perguntou a Trump se ele estava considerando uma ação militar contra o Irã agora, ele respondeu: "Eu não diria isso. Eu não posso dizer isso".

Seus comentários foram feitos um dia depois de o Pentágono ter enviado 1.000 soldados extras para o Oriente Médio "para fins defensivos".

Os Estados Unidos cu…

EUA realizam testes de bomba sofisticada em meio a tensões com Irã (VÍDEO)

Testes de uma bomba norte-americana GBU-39 são filmados e colocados na rede pela Força Aérea dos EUA.


Sputnik

Comando de Combate Aéreo dos EUA revelou um vídeo, em seu perfil no Facebook, que mostra como militares do serviço de vigilância no solo solicitam ataques aéreos múltiplos contra um alvo fixo em terra. Para cumprir a missão, os caças estadunidenses usaram a bomba GBU-39, uma munição para uso com quaisquer condições meteorológicas que tem um peso de 129 quilogramas.


Resultado de imagem para gbu-39
GBU-39

A bomba de precisão conhecida como GBU-39 pode ser lançada de uma vasta gama de caças e bombardeiros da Força Aérea norte-americana e tem um raio de ação de mais de 72 quilômetros, o que significa que as aeronaves podem usar a munição a uma distância bem fora do alcance da defesa antiaérea do inimigo.

Os caças F-16 envolvidos nos testes, que decorreram em um polígono em Nevada (Nevada Test and Training Range), decolaram da base aérea de Nellis localizada na proximidade.

Além do F-16, a bomba pode ser instalada no F-15, F-35, Tornado, AC-130, assim como nos bombardeiros estratégicos B-1 Lancer e B-52 Stratofortress.

A GBU-39 é uma bomba fabricada nos EUA que se destina a aniquilar alvos no solo e está equipada com sistema GPS, assim como um sistema interno de navegação para acompanhar o alvo. Cada GBU-39 é capaz de portar de 16 a 93 quilogramas de explosivos.



Militares e democracia - Unesp

Militares e democracia - Unesp

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas