Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

Vice-premiê: Rússia não recebeu pedido do Irã para venda de sistemas S-400

A Rússia não recebeu nenhum pedido do Irã para fornecer seus sistemas de defesa antiaérea S-400, afirmou o vice-primeiro-ministro russo, Yuri Borisov, à Sputnik nesta sexta-feira (7).


Sputnik

Quando perguntado se Moscou tinha recebido um pedido relevante do Irã, Borisov negou de modo claro e direto.

Sistemas de mísseis S-400 Triumph (imagem referencial)
S-400 Triumph © Sputnik / Sergei Malgavko

"Deixe que continuem espalhando [notícias falsas]", disse Borisov quando solicitado a comentar sobre as especulações da mídia ocidental e a cooperação entre a Rússia e o Irã.

No final de maio, Bloomberg escreveu que a Rússia se recusou a vender ao Irã sistemas de defesa antiaérea S-400. De acordo com a agência, a Rússia teria decidido não vender pela possibilidade de aumento das tensões no Oriente Médio.

Entretanto, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, comentando a notícia, afirmou não ter informação de que a Rússia teria recusado vender sistemas de defesa antiaérea S-400 ao Irã.

A notícia da Bloomberg surgiu quando as tensões entre os EUA e o Irã atingiram um novo patamar em maio, tendo Washington sancionado ainda mais Teerã e enviado um grupo de porta-aviões, um esquadrão de bombardeiros B-52 e sistemas Patriot ao Oriente Médio para enfrentar o que a Casa Branca descreve como uma ameaça emanada do Irã.

Forno Elétrico Philco 46L - com Timer

Forno Elétrico Philco 46L - com Timer

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas