Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Os mísseis russos que se tornaram alvo de disputa entre EUA e Turquia

A Turquia, dona do segundo maior Exército entre os 29 países que compõem a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), está prestes a adquirir mísseis antiaéreos S-400.
BBC News Brasil

Os S-400 são os mísseis "terra-ar" mais avançados do mundo e se tornaram motivo de uma disputa entre Turquia e Estados Unidos que pode ameaçar a aliança militar das potências ocidentais.

Isso porque os S-400 são fabricados na Rússia, o principal rival da organização fundada em 1949 justamente para se opor à então União Soviética.

A insistência da Turquia em adquirir os mísseis russos irritou os Estados Unidos, que encaram a decisão como uma potencial ameaça para seus aviões de combate F-35, também em vias de serem comprados pelos turcos.
Troca de farpas

"Não ficaremos de braços cruzados enquanto os aliados da Otan compram armas dos nossos adversários", advertiu o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, durante um encontro organizado há poucos dias em Washington para celebrar o aniversár…

Drone dos EUA é visto perto da fronteira russa

Um drone da Força Aérea dos EUA, um RQ-4B-30 Global Hawk, realizou um voo ao longo da fronteira entre a Rússia e a Ucrânia na região de Carcóvia, comunicou neste domingo o serviço de monitoramento de voos PlaneRadar em sua conta no Twitter.


Sputnik

De acordo com o serviço, o drone partiu da base aérea da OTAN de Sigonella, situada na Sicília. Por volta das 7h15 GMT (01h15 do mesmo dia em Brasília) o veículo entrou no espaço aéreo da Ucrânia.


Veículo aéreo não tripulado RQ-4B-30 Global Hawk, força aérea dos EUA, disparou da base da aeronave, indicativo #Sigonella #UAVGH000, no espaço aéreo da Ucrânia.

Três horas mais tarde, o drone terminou seu voo ao longo da fronteira da região de Belgorod. Além disso, o veículo aéreo norte-americano sobrevoou a linha de demarcação em Donbass.

Não é a primeira vez que aviões e drones de reconhecimento norte-americanos são avistados perto das fronteiras russas.

Nesta terça-feira (8), um drone de reconhecimento dos EUA RQ-4 Global Hawk foi detectado vigiando o espaço aéreo de Donbass.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas