Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

General israelense conta sobre 1º uso militar de caças F-35

O primeiro uso dos caças F-35 de quinta geração ocorreu no céu sobre a Síria, disse o general de brigada israelense Shlomo Brom em entrevista ao Business Insider.


Sputnik

Anteriormente, o comandante da Força Aérea israelense Amikam Norkin disse que Israel foi o primeiro país a usar o F-35 em combate. Segundo ele, esses caças já foram "usados duas vezes em várias frentes", mas ele não mencionou detalhes sobre as operações.

Caças israelenses F-35 realizam voo em Jerusalém durante comemorações do 69º Dia da Independência, em 2 de maio de 2017
F-35 Lightining II israelenses © AFP 2018 / Thomas Coex

O general afirmou que Israel decidiu usar o F-35 em 10 de maio. Em seguida, Tel Aviv acusou as forças iranianas al-Quds de lançar 20 mísseis nas Colinas de Golã, depois que a Força Aérea de Israel atacou instalações militares e depósitos de munição na Síria. Em ataque semelhante realizado em fevereiro, caças F-15 e F-16 foram usados, sendo que um deles foi abatido pelos sírios, observa Brom.

Em Damasco foi declarado que as forças de defesa antiaérea sírias derrubaram "dezenas de mísseis", a maioria deles não alcançou o objetivo. Os restantes atingiram "alguns cálculos da defesa antiaérea, radar e depósito de munição". Como resultado do ataque, três pessoas morreram.

Israel é o único país que possui caças F-35 no Oriente Médio. Ele encomendou dos EUA 50 aviões, 9 dos quais já receberam.

Comentários

Postagens mais visitadas