Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

BAE Systems e Iveco vencem concorrência de veículo de combate anfíbio do US Marine Corps

O Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA concedeu à BAE Systems um contrato de US$ 198 milhões para entregar os primeiros 30 Veículos de Combate Anfíbio (ACV – Amphibious Combat Vehicles), com opções para um total de 204 veículos que podem valer até US$ 1,2 bilhão.


Forças Terrestres

A BAE Systems, junto com seu parceiro de equipe Iveco Defense Vehicles, prevaleceu na competição robusta do Marine Corps pela próxima geração de veículos para levar os fuzileiros navais de navio a terra para se engajar em operações de combate terrestre.

Amphibious Combat Vehicle 1.1 - ACV 1.1
Amphibious Combat Vehicle 1.1 – ACV 1.1

“Estamos bem posicionados e prontos para construir o futuro dos veículos de combate anfíbio para o Corpo de Fuzileiros Navais, já tendo produzido 16 protótipos”, disse Dean Medland, vice-presidente e gerente geral de Veículos de Combate Anfíbio e Internacional da BAE Systems. “Com este prêmio, estamos orgulhosos de continuar nossa parceria com o Corpo de Fuzileiros Navais, fornecendo um veículo de primeira classe para apoiar sua missão por meio de mobilidade, capacidade de sobrevivência e letalidade”.

O ACV oferece mobilidade excepcional em todos os terrenos e proteção contra mitigação de impacto para os três tripulantes e 13 fuzileiros navais embarcados, além de outras melhorias em relação aos sistemas atualmente em campo. O novo veículo é um avançado veículo 8×8 aberto com capacidade oceânica, equipado com um novo motor de 6 cilindros e 700HP, que proporciona um significativo aumento de potência sobre o veículo anfíbio de assalto, que está atualmente em serviço e está em operação há décadas. O ACV também é adaptável para acomodar o crescimento de futuras tecnologias ou requisitos.

A equipe da BAE Systems realizou seus próprios testes e avaliação extensivos de mitigação de riscos para mobilidade terrestre, capacidade de sobrevivência e navegação que comprovaram o desempenho de seu veículo antes de entregar os primeiros 16 protótipos ao Corpo de Fuzileiros Navais em 2017.

Nos últimos 15 meses, a empresa apoiou os rigorosos Testes de Desenvolvimento e Avaliação Operacional do Corpo de Fuzileiros Navais dos veículos, que tiveram um desempenho excelente em operações de água e terra, carga útil e capacidade de sobrevivência.

O trabalho no programa será realizado nas instalações da empresa em Aiken, Carolina do Sul; Sterling Heights, Michigan; Minneapolis; Stafford; San Jose, Califórnia; e York, Pensilvânia.

A seleção da BAE Systems pelos Fuzileiros Navais para o programa ACV 1.1 solidifica ainda mais o legado de 70 anos da empresa de fornecer recursos superiores de veículos anfíbios para atender os objetivos de transporte do navio ao objetivo e de combate. Como fornecedora líder de veículos de combate, a empresa produziu mais de 100.000 sistemas para clientes em todo o mundo. A Iveco também é um fabricante comprovado de veículos de combate, tendo projetado e construído hoje mais de 30.000 veículos militares multiuso, protegidos e blindados.




FONTE: BAE Systems

Comentários

Postagens mais visitadas