Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

Analista sobre possível evacuação dos Capacetes Brancos: não há brechas para provocações

Surgiram recentemente notícias sobre os planos dos EUA e de vários outros países de evacuar os Capacetes Brancos da Síria. Analista russo comentou o que pode estar ligado à suposta decisão.


Sputnik

Estados Unidos, Canadá e alguns países europeus, particularmente Grã-Bretanha e França, estão estudando a possível evacuação de membros da ONG Capacetes Brancos e de seus parentes da Síria para transferi-los a outros países, tais como Canadá, Reino Unido ou Alemanha, informou o canal CNN.

Membros da defesa civil síria, mais conhecidos como Capacetes Brancos em Damasco (foto de arquivo)
Capacetes brancos na Síria © AFP 2018 / Msallam Abdalbaset

Segundo fontes, citadas pelo canal, o presidente americano, Donald Trump, discutiu o assunto na cúpula da OTAN em Bruxelas e esta pode ser uma das questões na reunião entre Trump e seu colega russo, Vladimir Putin, que decorrerá hoje (16) em Helsinque.

Os Capacetes Brancos se definem como uma ONG politicamente neutra e não beligerante dedicada à proteção de civis na Síria.

Porém, analista do Instituto Russo de Pesquisas Estratégicas, Vladimir Fitin, acredita que a organização tem objetivos completamente diferentes no país árabe.

Supostos planos de evacuação dos Capacetes Brancos mostram, segundo o analista, que estes não estão conseguindo cumprir suas tarefas na Síria, em particular, "organização de numerosas provocações com suposto uso de armas químicas pelo exército sírio e suposto apoio da Força Aeroespacial russa nisso".

"É evidente que os Capacetes Brancos têm cada vez menos possibilidades para realizarem na Síria tais atos, por isso é levantada a questão de como tirá-los de lá", opinou Fitin em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik.

Os Capacetes Brancos definem-se como uma ONG politicamente neutra e não beligerante dedicada à proteção de civis na Síria. No entanto, foram divulgados anteriormente vários vídeos na Internet mostrando membros dos Capacetes Brancos encenando ataques, maquiando "vítimas" e ditando o que elas deveriam dizer. Outras gravações mostraram ativistas com armas e vestidos com uniformes militares.

Comentários

Postagens mais visitadas