Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil prevê inaugurar estação na Antártica em 2020, oito anos após incêndio

Obra é executada por uma empresa chinesa e, segundo a Marinha, se aproxima do final. Incêndio em 2012 destruiu estação, e dois militares morreram.
Por Guilherme Mazui | G1 — Brasília

Passados sete anos desde o incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, a Marinha prevê inaugurar a nova estação em março de 2020.

Executada pela empresa chinesa Ceiec, a obra se aproxima do final, segundo a Marinha, que prevê concluir as obras civis e a instalação de máquinas e mobiliário até 31 de março, iniciando um período de testes do complexo científico até março de 2020. Após os testes, a estação poderá receber militares e pesquisadores.

"A previsão de inauguração é março de 2020, quando os pesquisadores e o Grupo-Base [de militares] deverão ocupar em definitivo as instalações da nova Estação Antártica Comandante Ferraz", informou a Marinha ao G1.

Com investimento de US$ 99,6 milhões, o complexo receberá profissionais que atuam no Programa Antártico Brasileiro (Proantar), criad…

Bombardeios israelenses deixam novas vítimas em Gaza

As Forças de Defesa de Israel (IDF) anunciaram nesta quarta-feira que voltaram a bombardear posições do grupo Hamas na Faixa de Gaza, em resposta a ataques contra seus soldados na zona de fronteira.


Sputnik

"Em resposta ao ataque a tiros contra soldados da IDF no sul da Faixa de Gaza, a artilharia da IDF atacou sete postos militares do Hamas em Gaza."

Sirenes soaram no Conselho Regional de Hof Ashkelon | Reprodução Twitter

De acordo com uma fonte do Ministério da Saúde de Gaza, ao menos dois cidadãos palestinos foram mortos nesses bombardeios, enquanto outro teria ficado gravemente ferido.

As novas tensões ocorrem dias depois de as duas partes em conflito terem concordado com um cessar-fogo para evitar uma escalada ainda maior da violência na região.

Na última sexta-feira, um atirador palestino matou um soldado israelense perto da fronteira, desencadeando uma reação desproporcional por parte de Tel Aviv, que lançou uma grande ofensiva contra Gaza, alegando estar visando a posições do Hamas.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas