Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

Exército sírio encontra armas do Daesh fabricadas nos EUA

De acordo com a mídia local, o Exército Árabe Sírio descobriu repetidamente, durante a operação em Deir ez-Zor, grandes depósitos de armas e munições do Daesh contendo arsenais de produção estadunidense.


Sputnik

Em um grande arsenal encontrado do Daesh (organização terrorista proibida em vários países, incluindo a Rússia) há armas, munições, equipamento de telecomunicação e granadas de morteiro de produção norte-americana, informa a agência estatal síria SANA.

Armazéns de armas de terroristas encontrados em Deir ez-Zor
Armazém de armas dos terroristas encontrado em Deir ez-Zor, Síria © Sputnik / Morad Saeed

Segundo diz o relato, o arsenal incluía morteiros de 120 mm, foguetes para BM-21 Grad, foguetes de 107 mm, granadas de 40 mm, mísseis antitanque e também um grande número de minas e explosivos.

Previamente, o exército sírio gravou mais um vídeo de um armazém com armas e munições de fabricação ocidental usadas pelos rebeldes. De acordo com a SANA, todas as armas, inclusive tanques, veículos blindados para o transporte de tropas, lançadores de granadas, projéteis, máscaras de gás, lança-granadas, morteiros, metralhadoras pesadas, são fabricadas nos países ocidentais. Muitas delas não foram usadas em combate.

Comentários

Postagens mais visitadas