Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA: sanções contra Venezuela servem como 'alerta para atores externos, incluindo Rússia'

Na última terça-feira (17), o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, culpou a Rússia e a Venezuela pela crise de refugiados observada no país latino-americano.
Sputnik

O conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton, anunciou nesta quarta-feira (17) que os EUA estão impondo uma nova rodada de sanções contra a Venezuela, acrescentando o banco central do país à lista de restrições. 

Segundo o conselheiro de Segurança Nacional, as sanções recém-aplicadas deveriam se tornar um alerta para "todos os atores externos, inclusive a Rússia".

Desde o início da crise política na Venezuela no início deste ano, os EUA impuseram várias rodadas de sanções, visando os setores petrolífero e bancário do país, bem como indivíduos ligados às autoridades do país.

A Venezuela está sofrendo grave crise política desde janeiro. Junto com outros países ocidentais, os EUA apoiam Juan Guaidó, que se proclamou presidente interino da Venezuela. Ao mesmo tempo, Rússia, China e Turquia, entre outros…

Exército sírio encontra equipamentos de origem estrangeira em Daraá

Desde armas e munições até medicamentos de procedência estrangeira foram encontrados pelas unidades do Exército nas zonas libertadas da província síria de Daraá, confirmaram hoje fontes militares.


Prensa Latina
Damasco - Os achados, sobretudo nas recém-libertadas localidades de Yalda, Bebila e Beit Sahen, consistem em projéteis de lança-foguetes e bombas de fabricação israelense e equipamentos de comunicação de origem jordaniana, estadunidense e kuwaitiana.


Também em Sharaya, uma comunidade agora nas mãos do Exército sírio, foram encontradas buchas de mísseis Tow, estadunidenses, dólares e, em um improvisado hospital, encontraram vários tipos de medicamentos de origem saudita e kuwaitiana, entre outros.

Segundo as precisões, os terroristas do Estado Islâmico não tiveram tempo de destruir as evidências de tais abastecimentos diante da rápida ofensiva do Exército sírio na região de Daraá, a cerca de 100 quilômetros ao sul de Damasco.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas