Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil prevê inaugurar estação na Antártica em 2020, oito anos após incêndio

Obra é executada por uma empresa chinesa e, segundo a Marinha, se aproxima do final. Incêndio em 2012 destruiu estação, e dois militares morreram.
Por Guilherme Mazui | G1 — Brasília

Passados sete anos desde o incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, a Marinha prevê inaugurar a nova estação em março de 2020.

Executada pela empresa chinesa Ceiec, a obra se aproxima do final, segundo a Marinha, que prevê concluir as obras civis e a instalação de máquinas e mobiliário até 31 de março, iniciando um período de testes do complexo científico até março de 2020. Após os testes, a estação poderá receber militares e pesquisadores.

"A previsão de inauguração é março de 2020, quando os pesquisadores e o Grupo-Base [de militares] deverão ocupar em definitivo as instalações da nova Estação Antártica Comandante Ferraz", informou a Marinha ao G1.

Com investimento de US$ 99,6 milhões, o complexo receberá profissionais que atuam no Programa Antártico Brasileiro (Proantar), criad…

Morre no Reino Unido a última mulher piloto da II Guerra Mundial

Mary Ellis, a última mulher piloto na 2ª Guerra Mundial no Reino Unido, morreu aos 101 anos em sua casa da ilha de Wight, no Canal da Mancha, informou nesta quinta-feira a emissora pública "BBC".


EFE

Londres - Ellis foi membro do serviço Auxiliar de Transporte Aéreo (ATA, na sigla em inglês), uma organização civil que se ocupava de transportar os aviões de combate das fábricas até as diferentes bases da Força Aérea Real (RAF) britânica.

Resultado de imagem para Mary Ellis
Mary Ellis | Reprodução

O ATA, que operou entre 1940 e 1945, tinha 1.152 pilotos homens e 168 pilotos mulheres - além de engenheiros e outros funcionários -, entre elas Ellis, que dirigiu mil aeronaves durante o conflito, incluindo o famoso Spitfire.

A piloto, cujo nome de solteira era Mary Wilkins, se uniu ao ATA em 1941, depois de escutar um anúncio justamente na "BBC", relatou a emissora estatal.

Resultado de imagem para Mary Ellis
Mary Ellis | Reprodução

Em 1950, Ellis passou a dirigir o aeroporto de Sandown, na ilha de Wight, e em 1961 se casou com Sir Ellis, colega de ofício, com quem viveu perto dessas instalações aéreas até depois da sua morte em 2009.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas