Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

Irã condena o bombardeio da Arábia Saudita contra mulheres e crianças desalojadas do Iêmen

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Bahram Qasemi, condenou categoricamente o ataque saudita a um acampamento de famílias deslocadas internamente na cidade portuária de Hodeida, no Mar Vermelho, na quinta-feira.


Pars Today

Bahram Qasemi, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores iraniano, condenou categoricamente o bombardeio de mulheres e crianças iemenitas deslocadas por sauditas.

Irã condena o bombardeio da Arábia Saudita contra mulheres e crianças desalojadas do Iêmen

O diplomata iraniano considerou os países que estão apoiando a Arábia Saudita com armas responsáveis pelos crimes contra civis que acontecem no Iêmen.

Qasemi fez as declarações referindo-se a um recente ataque aéreo saudita contra várias mulheres e crianças iemenitas deslocadas no distrito de Durayhimi, a 20 quilômetros da cidade portuária de Hodeida, no oeste do Iêmen. Postos de imprensa contam que o ataque matou quase 30 pessoas no Iêmen na quinta-feira, incluindo quatro mulheres e 22 crianças.

"Já se passaram 15 dias desde que os sauditas bombardearam um ônibus que transportava crianças da província de Saada, no norte do país, que o mundo está testemunhando outro horrendo crime contra o povo prejudicado do Iêmen", lamentou o diplomata iraniano.

Comentários

Postagens mais visitadas