Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Filho de líder do Daesh foi morto durante operação na Síria, diz imprensa

No início de maio, autoridades iraquianas relataram a possibilidade de que o líder da Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, esteja operando fora da área desértica perto da fronteira da Síria com o Iraque, uma das poucas partes do país que a organização continua a controlar.


Sputnik

Hudayfah al-Badri, filho do líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, foi morto na província central de Homs na Síria, de acordo com o canal 4 do canal Telegram, que monitora a atividade dos terroristas.

O retrato de Abu Bakr al Baghdadi
CC BY 2.0 / thierry ehrmann / Abu Bakr al Baghdadi, painted portrait

O canal informou que al-Badri foi assassinado durante um ataque de militantes nas posições de forças sírias e russas localizadas perto de uma das usinas termelétricas na província de Homs.

Em 8 de maio, a Fox News citou Abu Ali al-Basri, diretor-geral do escritório de inteligência e contraterrorismo do Ministério do Interior iraquiano, dizendo que acredita-se que o líder do Daesh ainda esteja solto.

"A última informação que temos é que ele [al-Baghdadi] está em Al-Hajin, na Síria, a 18 milhas da fronteira na província de Deir ez-Zor", disse Abu Ali al-Basri.

O general Yahya Rasool, porta-voz do Ministério da Defesa do Iraque e do Comando de Operações Conjuntas, confirmou a localização de al-Baghdadi na fronteira leste do rio Eufrates, em uma área ainda controlada pelos terroristas.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas