Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Os mísseis russos que se tornaram alvo de disputa entre EUA e Turquia

A Turquia, dona do segundo maior Exército entre os 29 países que compõem a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), está prestes a adquirir mísseis antiaéreos S-400.
BBC News Brasil

Os S-400 são os mísseis "terra-ar" mais avançados do mundo e se tornaram motivo de uma disputa entre Turquia e Estados Unidos que pode ameaçar a aliança militar das potências ocidentais.

Isso porque os S-400 são fabricados na Rússia, o principal rival da organização fundada em 1949 justamente para se opor à então União Soviética.

A insistência da Turquia em adquirir os mísseis russos irritou os Estados Unidos, que encaram a decisão como uma potencial ameaça para seus aviões de combate F-35, também em vias de serem comprados pelos turcos.
Troca de farpas

"Não ficaremos de braços cruzados enquanto os aliados da Otan compram armas dos nossos adversários", advertiu o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, durante um encontro organizado há poucos dias em Washington para celebrar o aniversár…

Irã rejeita relatos sobre envio de armas ao Líbano

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Bahram Ghasemi, rejeitou a terça-feira. o recente relatório da Fox News dos EUA de que o Irã tem rotas secretas de contrabando de armas para o Líbano.


Pars Today

De acordo com o Departamento de Relações Públicas do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Bahram Ghasemi rejeitou o relatório da Fox News de que o Irã contrabandeava armas para o Líbano por meio da companhia de aviação civil iraniana.

Irã rejeita relatos sobre envio de armas ao Líbano
Bahram Ghasemi | Reprodução

Ele ressaltou que “a publicação de tais notícias falsas se tornou uma ocorrência comum nos últimos dias e semanas, indicando a escalada da guerra psicológica travada pelos círculos anti-Irã e hostis”.

No último sábado, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores iraniano rejeitou como "infundado" e "absurdo" algum relatório anterior da Reuters, alegando que o Irã havia fornecido alguns grupos xiitas no Iraque com mísseis.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas