Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

Rússia inicia testes preliminares do radar aéreo da aeronave A-100

Na Rússia começaram os testes preliminares do equipamento de bordo do radar aéreo multiuso de vigilância, pontaria, reconhecimento, alerta e controle A-100, segundo relatou à Sputnik o representante da estatal russa Rostec na quinta-feira (6).


Sputnik

"O trabalho está sendo realizado pela Ruselectronics conforme o cronograma aprovado. No momento, a montagem do A-100 já foi concluída: foi montado o equipamento especial de bordo na fuselagem da aeronave e instalada a carenagem da antena com o equipamento de rádio e de radar", disse o representante da Rostec.

Imagem relacionada
Beriev A-100 | Reprodução

Ele acrescentou que, no âmbito de preparação para os testes do protótipo A-100, foram realizados testes estáticos e de frequências do sistema de bordo do A-100.

Segundo ele, o laboratório voador A-100LL é ativamente utilizado na fase de testes e já foram realizados mais de uma dezena de voos com o primeiro conjunto de aparelhagem aérea especial.

Os trabalhos do projeto experimental para o desenvolvimento do A-100 são conduzidos pela corporação Vega (faz parte da Ruselectronics) em cooperação com várias empresas da indústria de defesa do país e de acordo com um contrato público com o Ministério da Defesa da Rússia.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas