Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Turquia inicia construção de local para instalar S-400 russos

Turquia trabalha na construção de local para instalar o sistema de mísseis russo.


Sputnik

Um relatório, publicado no mês passado, incluía imagens de satélite, onde se mostravam uma plataforma de concreto para lançamentos e bunkers que, segundo uma fonte anônima informou para o canal CNBC, serviriam para instalar os S-400 russos.

Sistema de mísseis S-400
S-400 Triumph © Sputnik / Vitaly Ankov

Em dezembro de 2017, a Turquia e a Rússia assinaram um acordo de aquisição de sistemas S-400, que serão utilizados para garantir a segurança do país turco, além de um acordo de cooperação tecnológica para o desenvolvimento da produção de S-400 na Turquia, agindo contra a vontade dos EUA e dos aliados da OTAN. Estes criticaram imediatamente o país por ter efetuado o acordo com a Rússia.

Anteriormente foi divulgado que o Congresso dos EUA tinha a intenção de suspender o fornecimento de aviões F-35 à Turquia por causa dos planos de Ancara de comprar os sistemas antiaéreos russos. Os senadores inscreveram uma emenda no orçamento de Defesa, segundo a qual o secretário de Defesa devia elaborar um relatório com a avaliação das potenciais "alterações significativas" no fornecimento de aviões à Turquia. Foi proposto suspender completamente os fornecimentos até à elaboração do relatório.

Vale ressaltar que o sistema S-400 russo é equipado com 8 lançadores e 32 mísseis, sendo capaz de atingir alvos como o caça F-35, além de mísseis de cruzeiro, mísseis balísticos, inclusive de médio alcance, assim como alvos terrestres, tendo um alcance de até 400 quilômetros e podendo atingir alvos a uma altura de até 30 quilômetros.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas