Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

China armará seu 'superveículo' blindado com canhão naval automático

O comando militar chinês pretende modificar uma poderosa peça de artilharia naval para instalá-la em um enorme veículo de transporte blindado e torná-la capaz de atingir alvos tanto terrestres quanto aéreos.


Sputnik

O comando das tropas terrestres do Exército Popular de Libertação da China ordenou desenvolver um veículo de combate de alta velocidade equipado com um canhão automático de alta resistência balística, cujo modelo preliminar já foi divulgado na Internet.


Canhão naval de 76 mm instalado em veículo de transporte blindado

O internauta Dafeng Cao publicou, nesta quarta-feira (24), na sua conta do Twitter diversas imagens desse veículo blindado exclusivo de dez rodas, armado com o canhão automático PJ-26 de 76 mm. Destaca-se que a arma foi construída na base da peça de artilharia soviética AK-176, que antes era instalada em navios de guerra de pequeno deslocamento.

Esta peça de artilharia tem um alcance de 15 quilômetros contra alvos terrestres e também pode derrubar alvos aéreos que se encontram a altitude de até 7 quilômetros.

Comentários

Postagens mais visitadas