Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

É divulgado VÍDEO da entrega dos S-300 russos para a Síria

O Ministério da Defesa publicou imagens da entrega de sistemas de mísseis antiaéreos S-300 à Síria, sendo retirados da aeronave de transporte militar An-124 Ruslan.


Sputnik

A Rússia entregou um total de 49 unidades de equipamento militar à Síria, no âmbito do fornecimento de sistemas de defesa antiaérea S-300.


Resultado de imagem para É divulgado VÍDEO da entrega dos S-300 russos para a Síria
É divulgado VÍDEO da entrega dos S-300 russos para a Síria - Sputnik Brasil

O objetivo da ação foi para aumentar a segurança do pessoal militar russo na guerra civil que devasta o país.

A decisão de fornecer sistemas S-300 para a Síria foi tomada logo após 17 de setembro, quando um míssil S-200 do sistema de defesa aérea sírio abateu por engano um avião russo Il-20, que estava voltando para a base de Hmeymim.

Ao mesmo tempo, quatro caças israelenses F-16 atacaram instalações sírias em Latakia. Quando a defesa aérea síria respondeu ao ataque aéreo israelense, um dos mísseis derrubou o avião de reconhecimento russo Il-20.

O ministro da Defesa da Rússia, Sergei Shoigu, responsabiliza Israel pelo incidente e anunciou medidas para melhorar a segurança dos militares russos na Síria, incluindo a entrega de S-300.

Segundo ele, serão necessários três meses para treinar os militares sírios a operar os S-300.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas