Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Chefe da ONU diz que é essencial evitar escalada de tensões no Irã

O chefe da Organização das Nações Unidas (ONU), Antonio Guterres, alertou neste domingo que é essencial evitar “qualquer forma de escalada” das tensões no Golfo, em meio a temores de um conflito após a derrubada de um drone norte-americano pelo Irã na semana passada.
Por Catarina Demony | Reuters

LISBOA (Reuters) - “O mundo não pode permitir um grande confronto no Golfo”, disse Guterres, nos bastidores da Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, em Lisboa . “Todos devem manter nervos de aço.”

Na quinta-feira, um míssil iraniano destruiu um drone de vigilância dos EUA, em um incidente que o governo norte-americano disse que aconteceu no espaço aéreo internacional.

Trump disse mais tarde que ordenou o cancelamento de um ataque militar em retaliação pela ação que poderia ter resultado em 150 mortes.

Teerã repetiu no sábado que o drone foi abatido sobre seu território e disse que responderia com firmeza a qualquer ameaça dos EUA.

Os comentários de Guterres vêm um dia depois…

Forças Armadas de Taiwan aperfeiçoam capacidades para 'combate' contra China

Taiwan iniciou exercícios militares, que durarão dois dias, visando combater um eventual ataque do Exército Popular de Libertação da China na costa oriental da ilha.


Sputnik

O exercício Joint-Electronic 107-2 tem como objetivo analisar as capacidades das Forças Armadas do país de combater eventual ataque aéreo-eletrônico e reforçar habilidades em combate, escreve a agência de notícias CNA, citando uma notificação do governo taiwanês.


Soldados taiwaneses operam um tanque M60-A3 americano durante exercícios militares em Taiwan
Tropas taiwanesas em treinamento © AP Photo / Chiang Ying-ying

Estão participando dos exercícios unidades terrestres e navais, além de caças F-16, que devem realizar manobras de interceptação, simulando combate com a China.

Antes de iniciar os exercícios, navios de classes Cheng Kung (fragatas lança-mísseis), Kidd (destróieres) e Fayette (fragatas multifuncionais) marcaram presença de uma hora em um treinamento para aperfeiçoar as habilidades de combate da Marinha taiwanesa.

Ressaltando que algumas zonas no mar do Sul da China e no mar da China Oriental são disputadas por países como Brunei, China, Filipinas, Japão, Malásia, Taiwan e Vietnã.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas