Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

No sul da Síria, radicais fogem abandonando armas e… barbas (VÍDEO)

O Exército sírio continua avançando contra as posições terroristas na região do deserto de As-Suwayda, na área das colinas de Tulul al-Safa. Os radicais estão abandonando suas posições junto com as armas. Para além disso, eles cortam as barbas para se misturarem com os civis.


Sputnik

O correspondente da Sputnik Árabe comunicou a partir de As-Suwayda que, depois de perder as principais fontes de água, as forças terroristas do Daesh (organização proibida na Rússia e em vários outros países) enfraqueceram consideravelmente, os radicais já não conseguem fazer frente ao Exército sírio. Na área montanhosa liberta recentemente, os soldados sírios encontraram um armazém com armamentos, produtos alimentícios e um posto médico. 


Soldados sírios na área libertada dos terroristas no deserto de As-Suwayda
Militares sírios na área libertada dos terroristas © Sputnik / Basem Haddad

De acordo com o correspondente, durante a operação de limpeza do território, foi encontrada uma grande quantidade de ataduras, embalagens de medicamentos e ampolas, o que revela que os terroristas estão sofrendo múltiplos ferimentos.

Além disso, os soldados encontraram restos de barbas e cabelo comprido. Aparentemente, os terroristas se barbeiam para mais facilmente se misturarem com os civis.

Nas fortificações abandonadas dá também para ver estume de burro. Pelo visto, os radicais utilizavam estes animais para transportar os armamentos e outras cargas pesadas. É impossível usar veículos entre as rochas, explicou o correspondente.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas