Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump diz que 'certamente' entraria em guerra com o Irã, mas 'não agora'

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que consideraria uma ação militar contra o Irã para impedir que a República Islâmica consiga armas nucleares. A briga entre Teerã e Washington aumentou depois que os EUA acusaram o Irã de atacar dois petroleiros.
Sputnik

"Eu certamente vou considerar as armas nucleares", disse Trump à revista Time na terça-feira, quando perguntado sobre o que poderia levá-lo a declarar guerra ao Irã. "E eu manteria o outro um ponto de interrogação".

A reportagem não especificou se o presidente elaborou o cenário de lançar um conflito armado de pleno direito com a República Islâmica sobre seu programa nuclear. Quando um repórter perguntou a Trump se ele estava considerando uma ação militar contra o Irã agora, ele respondeu: "Eu não diria isso. Eu não posso dizer isso".

Seus comentários foram feitos um dia depois de o Pentágono ter enviado 1.000 soldados extras para o Oriente Médio "para fins defensivos".

Os Estados Unidos cu…

Rebeldes houthi explodem tanque saudita (VÍDEO)

Os rebeldes Houthi aniquilaram um tanque M1A2S Abrams das Forças Armadas Sauditas. O vídeo da explosão foi postado no Twitter.


Sputnik

O tanque estava localizado na província saudita de Jizan, que faz fronteira com o Iêmen. Na gravação, você pode ver como a equipe de Abrams atira contra os Houthis.


Tropas do exército saudita deixam posições durante o ataque de Houthi | Reprodução Twitter

​Um projétil lançado de uma arma desconhecida atingiu o tanque e forçou sua tripulação a abandoná-lo. Depois disso, os rebeldes o incendiaram.

O M1 Abrams é o principal tanque de combate dos EUA e é produzido em massa desde 1980. Foi colocado a serviço das Forças Armadas de diferentes países, incluindo a Arábia Saudita.

Desde 2014, o Iêmen passou por um conflito armado entre os partidários do presidente Abd Rabu Mansur Hadi e os rebeldes Houthi do movimento Ansar Allah. Em março de 2015, uma coalizão liderada pela Arábia Saudita e composta principalmente pelos países do Golfo Pérsico interveio no conflito do governo.


Veja o VIDEO

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas