Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

General brasileiro em forças dos EUA atrapalha laços com Moscou e Pequim, diz especialista

A decisão do Brasil de enviar um oficial para integrar as Forças Armadas dos Estados Unidos deve atrapalhar as relações do país com importantes aliados, como China e Rússia. A avaliação é do especialista em Relações Internacionais Paulo Velasco, que conversou nesta segunda-feira com a Sputnik sobre esse polêmico assunto.
Sputnik

Na última semana, se tornou pública no Brasil a notícia de que o país indicará, até o final do ano, um general para assumir um posto no Comando Sul (SouthCom) dos EUA, que cobre América Central, Caribe e América do Sul, provocando controvérsias.


De acordo com o comandante responsável, o almirante Craig Faller, os interesses norte-americanos na região seriam ameaçados por Rússia, China, Irã, Venezuela, Cuba e Nicarágua, países com os quais o Brasil poderá ter relações prejudicadas por conta dessa situação, conforme acredita Velasco, professor adjunto de Política Internacional do Departamento de Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (U…

Tupolev Tu-154M iraniano com F-5 espetado na cauda

A IAMI (Iran Aircraft Manufacturing Industries) converteu um dos jatos aposentados Tu-154M da Iran Air Tours em uma aeronave de testes.


Poder Aéreo

A seção frontal de um RF-5A foi anexada ao estabilizador vertical do avião, para fornecer algumas condições reais para testar assentos ejetados iranianos.

Assento é ejetado da cabine de um F-5 anexado à cauda de um Tu-154M iraniano
Assento é ejetado da cabine de um F-5 anexado à cauda de um Tu-154M iraniano

O IAMI também planejou equipar o avião com um pilone montado sob sua fuselagem para transportar os futuros UAVs iranianos em seus testes aerodinâmicos de condição real.




Comentários

Postagens mais visitadas