Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

22ª Brigada de Infantaria de Selva completa um ano

Criada em decorrência do cenário político e estratégico da Amazônia Oriental e em conformidade ao processo de reestruturação do Exército Brasileiro, a 22ª Brigada de Infantaria de Selva (22ª Bda Inf Sl), a mais nova Grande Unidade do Exército Brasileiro, comemorou, no dia 29 de novembro, o seu primeiro aniversário de criação.


Forças Terrestres

Macapá (AP) – O marcante evento foi presidido pelo Comandante Militar do Norte, General de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, e contou com as presenças do Comandante do 4º Distrito Naval, Vice-Almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho; do Comandante da 8ª Região Militar, General de Divisão Anisio David de Oliveira Junior; de outros oficiais-generais; de comandantes de organizações militares; além de familiares e de autoridades civis, como o Presidente da Assembleia Legislativa do Amapá, Deputado Estadual Kaká Barbosa; o Desembargador Alberto José Tavares Vieira da Silva; e o Prefeito de Macapá, Clécio Luís.


Na ocasião, inaugurou-se a placa dos pioneiros, e os militares do Comando e da Companhia de Comando da 22ª Bda Inf Sl foram agraciados com o Medalhão dos Pioneiros, por terem sidos os primeiros a iniciarem os trabalhos de implantação e ativação da Brigada.

Foram homenageados, também, as autoridades civis e militares, os Comandantes de organizações militares e os patrocinadores do 1º Concurso de Artes Visuais, pelo inestimável apoio e colaboração para o sucesso da implantação e consolidação da Brigada Foz do Amazonas.

O evento contou, ainda, com a premiação dos vencedores do primeiro Concurso de Artes Visuais (artes plásticas, fotografias, desenhos e artes digitais), que abordou temáticas voltadas para a simbologia, eventos e a valorização do trabalho realizado pela Brigada, representando por meio de um olhar artístico e sensível a sua importância em defesa da Amazônia Oriental.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas