Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

EUA podem enviar navio de guerra ao mar Negro em meio às tensões do Estreito de Kerch

Os militares dos EUA pediram ao Departamento de Estado para que notifiquem o governo da Turquia sobre a intenção de levar um navio de guerra ao Mar Negro, de acordo com a mídia.


Sputnik

A medida seria uma resposta a um incidente naval no Estreito de Kerch em 25 de novembro, quando três navios da Marinha ucraniana entraram em águas territoriais russas e violaram o direito internacional.


Novo navio de guerra dos EUA, USS Little Rock, chegando ao porto de Buffalo (imagem referencial)
USS Little Rock © AP Photo/ Carolyn Thompson

As autoridades russas detiveram os navios após as embarcações não responderem às exigências legais. Também foram detidos os 24 marinheiros que estavam a bordo dos navios.

A notificação da Marinha dos EUA dará a eles a opção para entrar na área, mas não se sabe se medida será tomada, segundo afirmou a CNN. Ainda segundo o canal de mídia, essa medida poderia aumentar as tensões entre os Estados Unidos e a Rússia.

Os Estados Unidos solicitaram à Rússia a liberdade dos marinheiros e também que devolvam os navios à Ucrânia. O presidente dos EUA, Donald Trump, decidiu cancelar uma reunião com o presidente russo, Vladimir Putin, durante a cúpula do G20 na Argentina após receber um relatório acerca do incidente de Kerch.

Putin afirmou que o incidente foi uma provocação preparada antecipadamente. Ela funcionaria como um pretexto para a introdução da lei marcial na Ucrânia antes da eleição presidencial do país. Conforme afirmou Putin, a lei marcial poderia afetar a campanha, prevista para começar no final de dezembro, em meio ao baixo índice de aprovação do presidente do país, Pyotr Poroshenko.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas