Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã ameaça romper limite de reservas de urânio; entenda o que país pode fazer se sair de acordo nuclear

Sem regulação, país pode adotar equipamentos mais modernos e rápidos e ampliar volume de enriquecimento de material que pode ser usado em armas nucleares. Acordo foi firmado em 2015 entre Irã e mais seis países, mas Trump retirou EUA em maio de 2018.
Associated Press

O Irã anunciou que irá exceder o limite de reservas de urânio determinado pelo acordo nuclear de 2015, ampliando as tensões no Oriente Médio.

O prazo de 27 de junho dado por Teerã vem antes de outra data limite, 7 de julho, para que a Europa apresente melhores termos para que o país permaneça no acordo. Se essa segunda data passar sem nenhuma ação, o presidente iraniano Hassan Rouhani diz que a república islâmica irá provavelmente retomar o alto enriquecimento de urânio.

Veja a seguir em que situação está o programa nuclear do Irã atualmente:

O acordo nuclear

O Irã fechou um acordo nuclear em 2015 com Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China. O acordo, formalmente conhecido como Plano de Ação Conjunto Abran…

Forças de segurança fazem operação em comunidades das zonas Norte e Oeste do Rio de Janeiro

Militares percorrer ruas de Bangu, na Zona Oeste, e de Anchieta, Guadalupe, Colégio, Honório Gurgel, Vicente de Carvalho e em regiões do entorno à Vila Militar de Deodoro, Zona Norte.


Por G1 Rio

Agentes das forças de segurança realizam, na manhã desta terça-feira (11), operação em Bangu, na Zona Oeste do Rio, e nos bairros de Anchieta, Guadalupe, Colégio, Honório Gurgel, Vicente de Carvalho e em regiões do entorno à Vila Militar de Deodoro, na Zona Norte.

Resultado de imagem para Dois suspeitos são mortos em confronto com o Exército, em operação das Forças Armadas
Fernando Frazão/Agência Brasil

Os militares verificam denúncias de atividades criminosas. Ao todo, 4.760 militares das Forças Armadas participam da ação e contam com o apoio de 120 policiais civis e 60 policiais militares. Veículo blindados e aeronaves também apoiam a operação.

No total, as ações ocorrem numa área que abrange 13 comunidades, com cerca de 435.000 habitantes beneficiados diretamente e cerca de 1.170.000 beneficiados indiretamente.

Algumas vias e acessos na região poderão ser interditados e setores do espaço aéreo poderão ser controlados, oportunamente, com restrições dinâmicas para aeronaves civis. Não há interferência nas operações dos aeroportos.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas