Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump diz que 'certamente' entraria em guerra com o Irã, mas 'não agora'

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que consideraria uma ação militar contra o Irã para impedir que a República Islâmica consiga armas nucleares. A briga entre Teerã e Washington aumentou depois que os EUA acusaram o Irã de atacar dois petroleiros.
Sputnik

"Eu certamente vou considerar as armas nucleares", disse Trump à revista Time na terça-feira, quando perguntado sobre o que poderia levá-lo a declarar guerra ao Irã. "E eu manteria o outro um ponto de interrogação".

A reportagem não especificou se o presidente elaborou o cenário de lançar um conflito armado de pleno direito com a República Islâmica sobre seu programa nuclear. Quando um repórter perguntou a Trump se ele estava considerando uma ação militar contra o Irã agora, ele respondeu: "Eu não diria isso. Eu não posso dizer isso".

Seus comentários foram feitos um dia depois de o Pentágono ter enviado 1.000 soldados extras para o Oriente Médio "para fins defensivos".

Os Estados Unidos cu…

Lei marcial gera custo de US$ 125 milhões ao Banco Nacional da Ucrânia

O Banco Nacional da Ucrânia gastou US$ 125 milhões para segurar a variação do câmbio no país nos 3 primeiros dias após a imposição da lei marcial no país em resposta ao incidente no estreito de Kerch.


Sputnik

A informação foi divulgada pelo presidente do banco, Yakiv Smolii, neste domingo (9).


Presidente ucraniano, Pyotr Poroshenko, na Conferência de Segurança em Munique, Alemanha, 17 de fevereiro de 2017
Pyotr Poroshenko, presidente da Ucrânia © AP Photo / Matthias Balk

No dia 26 de novembro, o parlamento ucraniano apoiou a iniciativa do presidente ucraniano Pyotr Poroshenko de impôr a lei marcial em 10 regiões do leste do país.

A medida foi uma resposta ao incidente no estreito de Kerch, em que três navios ucranianos foram detidos pela Rússia após cruzarem ilegalmente as águas terrirotoriais russas.

"Uma certa exaltação nos primeiros três dias após a imposição da lei marcial foi rapidamente substituído pelo fortalecimento da hryvnia [moeda ucraniana] no final da semana. O Banco Nacional suavizou as flutuações das intervenções cambiais. Para apoiar a taxa de câmbio, cerca de cerca de US$ 125 milhões foram gastos das reservas entre 26 e 30 de novembro", disse Smolii ao site VoxUkraine.

O presidente da Rússia, Vladimir Puton disse que o incidente do estreito de Kerch foi uma provocação preparada como um pretexto para introduzir a lei marcial no na Ucrânia. Putin também afirmou que a provocação poderia estar ligada à baixa popularidade de Poroshenko e a aproximação das eleições presidenciais de 2019, cuja campanha se inicio em dezembro.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas