Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump diz que 'certamente' entraria em guerra com o Irã, mas 'não agora'

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que consideraria uma ação militar contra o Irã para impedir que a República Islâmica consiga armas nucleares. A briga entre Teerã e Washington aumentou depois que os EUA acusaram o Irã de atacar dois petroleiros.
Sputnik

"Eu certamente vou considerar as armas nucleares", disse Trump à revista Time na terça-feira, quando perguntado sobre o que poderia levá-lo a declarar guerra ao Irã. "E eu manteria o outro um ponto de interrogação".

A reportagem não especificou se o presidente elaborou o cenário de lançar um conflito armado de pleno direito com a República Islâmica sobre seu programa nuclear. Quando um repórter perguntou a Trump se ele estava considerando uma ação militar contra o Irã agora, ele respondeu: "Eu não diria isso. Eu não posso dizer isso".

Seus comentários foram feitos um dia depois de o Pentágono ter enviado 1.000 soldados extras para o Oriente Médio "para fins defensivos".

Os Estados Unidos cu…

'Vulcão' retorna ao ringue sírio para eliminar terroristas

O lançador múltiplo de foguetes das Forças Armadas da Síria, montado no chassi do veículo blindado BMP-1, volta a participar de ações militares.


Sputnik

Os veículos, fabricados por militares sírios, passaram a ser chamados de "Vulcão", tendo surgido pela primeira vez em 2016. Se antes o veículo blindado possuía canhão e metralhadora, a inovação traz cinco lançadores de projéteis reativos, que são também produzidos na Síria com importação de munições em série de 12 mm.


Reprodução

De acordo com especialistas, o alcance do armamento não é tão grande, ou seja, um pouco mais do que três quilômetros. Em batalhas contra terroristas foi utilizada atualização com oito lançadores de foguetes, que sumiu por um tempo, chegando a presumir que o veículo de esteira teria "se aposentado".

Mas, como se pode ver, um destes veículos voltou com tudo aos campos de batalha. Não dá para excluir a possibilidade de se tratar de um exemplar fabricado há pouco.

O arsenal das Forças Armadas da Síria conta atualmente com um grande número de lançadores de foguetes próprios com chassis de esteira e de rodas. O mais poderoso deles é o Golan-1000 de 500 mm baseado no tanque T-72.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas