Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

Aquela aliança que impede saída da Síria

O chanceler turco, Mevlut Cavusoglu, afirmou que os EUA têm dificuldades de retirar suas forças da Síria por terem laços estreitos com as forças das Unidades de Proteção Popular (YPG) curdas, consideradas grupo terrorista por Ancara.


Sputnik

"Estamos vendo que os EUA lidam com dificuldades para retirada de suas tropas. É difícil para eles retirarem as tropas, enquanto estão ligados tanto com uma organização terrorista", apontou Cavusoglu, referindo-se às YPG.


Aquela aliança que impede saída da Síria

Ele defendeu a coordenação conjunta com a Rússia e o Irã da saída das tropas norte-americanas da República Árabe.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas