Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

General brasileiro em forças dos EUA atrapalha laços com Moscou e Pequim, diz especialista

A decisão do Brasil de enviar um oficial para integrar as Forças Armadas dos Estados Unidos deve atrapalhar as relações do país com importantes aliados, como China e Rússia. A avaliação é do especialista em Relações Internacionais Paulo Velasco, que conversou nesta segunda-feira com a Sputnik sobre esse polêmico assunto.
Sputnik

Na última semana, se tornou pública no Brasil a notícia de que o país indicará, até o final do ano, um general para assumir um posto no Comando Sul (SouthCom) dos EUA, que cobre América Central, Caribe e América do Sul, provocando controvérsias.


De acordo com o comandante responsável, o almirante Craig Faller, os interesses norte-americanos na região seriam ameaçados por Rússia, China, Irã, Venezuela, Cuba e Nicarágua, países com os quais o Brasil poderá ter relações prejudicadas por conta dessa situação, conforme acredita Velasco, professor adjunto de Política Internacional do Departamento de Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (U…

Bombardeiro russo Tu-22M3 se acidenta durante pouso forçado na região de Murmansk

Dois pilotos da aeronave morreram e outros dois tripulantes ficaram feridos durante um pouso de emergência no aeroporto na região russa de Murmansk, informou o Ministério da Defesa da Rússia em comunicado, nesta terça-feira (22).


Sputnik

Segundo a informação oficial, a aeronave sofreu o acidente durante uma manobra de pouso forçado ao se deparar com condições climáticas adversas na região russa acima citada.


O bombardeiro estratégico russo Tu-22M3
Tupolev Tu-22M3 © Sputnik / Ministério da Defesa da Rússia

O acidente ocorreu no aeroporto para aeronaves de longa distância da cidade russa de Olenegorsk por volta das 13h40 do horário local (8h40, no horário de Brasília).

"Em 22 de janeiro, o Tu-22M3, depois de completar um voo de treinamento programado na região de Murmansk, fez um pouso forçado quando se deparou com uma nevasca forte […] Segundo um relatório, dois pilotos foram levados para um centro médico, onde estão recebendo a assistência necessária. Dois membros da tripulação morreram", disse o ministério em um comunicado.

O ministério detalhou que a aeronave se desintegrou durante a aterrissagem."O bombardeiro se desintegrou depois de tocar na pista de pouso […] Não havia armas a bordo", informou a entidade militar.

De acordo com fontes, os médicos estimam que os pilotos que sobreviveram estão em estado grave.

O Tu-22M é um bombardeiro estratégico supersônico de longo alcance desenvolvido pelo escritório de projetos Tupolev e projetado para destruir alvos navais e terrestres a uma distância de até 2.200 km a partir de aeródromos domésticos com mísseis guiados e bombas.

Incorporado às Forças Armadas russas em 1989, o bombardeiro foi usado ativamente em missões na Síria, onde lançou ataques contra as instalações terroristas.

Comentários

Postagens mais visitadas