Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

Comando Militar do Sul atua nas enchentes do Rio Grande do Sul

Soldados do Comando Militar do Sul vêm realizando diversas ações com emprego de tropas, viaturas e equipamentos em apoio à Defesa Civil do Estado do RS.


Comunicação CMS | Verde Oliva

Todo esse apoio é voltado para as situações de emergência decretadas nas cidades de Uruguaiana, Quaraí, Alegrete, Rosário do Sul e São Gabriel.


CMS - Comando Militar do Sul atua nas enchentes do RS Foto - CMS

As ações do Exército na região visam minimizar o sofrimento da população das áreas atingidas por fortes chuvas que caem na região desde a semana passada e que causaram o aumento do nível dos Rios Uruguai, Ibirapuitã, Santa Maria e Vacacaí.

Desde o início do emprego da tropa, foram efetuadas inúmeras remoções de famílias que tiveram suas casas alagadas. As atividades desenvolvidas ao longo da semana passada, que se estenderam pelo sábado e domingo e continuam em curso, vão desde a retirada de galhos e troncos das ruas da cidade, passando pela evacuação de bens e pessoas de áreas de risco ou já tomadas pelas águas, retirada de entulhos e fornecimento de água potável até o recolhimento e distribuição de donativos da comunidade aos atingidos.

Até o momento, foram empregados mais de 250 militares que estenderam a mão amiga mais uma vez a quem mais precisa de ajuda em momentos difíceis. Reafirmamos nossa dedicação exclusiva, 24 horas por dia, 7 dias por semana nestas ações, de forma ininterrupta, para que a população Gaúcha esteja acolhida na hora desta calamidade.

O Exército de Caxias tem prontidão permanente em prol da pátria e de seus filhos.

Comentários

Postagens mais visitadas