Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Força Aérea Brasileira contrata Leonardo para suporte logístico aos jatos AMX

O Comando Geral de Apoio da Força Aérea Brasileira (COMGAP) confirmou a Leonardo como fornecedor de serviços de apoio logístico de longo prazo para a frota de aeronaves AMX da Força Aérea Brasileira (FAB).


Poder Aéreo

ROMA — O acordo foi assinado no âmbito do programa da Força Aérea Brasileira para fornecer plena capacidade operacional para a frota AMX nos próximos cinco anos.

Dois A-1B com a primeira e segunda camuflagem adotada pela FAB

O contrato de 58 meses inclui uma gama de serviços, como reparo e revisão de componentes, suporte logístico para gerenciamento de peças sobressalentes, gerenciamento de obsolescência de aeronaves, bem como suporte técnico e de engenharia para a Força Aérea. Todas as atividades serão coordenadas pelo Centro Logístico da Força Aérea Brasileira (CELOG) em colaboração com a Leonardo.

Luiz Amedeo Iozzi da Silva, diretor do Centro de Logística da Força Aérea Brasileira, disse: “Graças ao apoio da Leonardo, a FAB garantiu a capacidade operacional contínua da frota AMX. Estamos convencidos de que a colaboração contínua com a Leonardo aumentará ainda mais a eficiência operacional da frota. Estamos cooperando com a Leonardo desde 2012 e estamos ansiosos para prosseguir até o final do ciclo de vida operacional do tipo. Sem o apoio logístico da Leonardo, tal programa de manutenção seria impossível e, com este acordo, a FAB poderá obter maiores economias para o suporte logístico AMX e reduzir os custos de gerenciamento”.

Placido De Maio, diretor de vendas para a América Latina da Leonardo disse: “Nossa empresa vem contribuindo com o apoio logístico de aeronaves AMX brasileiras e italianas há anos. Estamos orgulhosos que a Força Aérea Brasileira tenha renovado sua confiança em nós. Graças a este acordo, a FAB poderá continuar operando sua frota com alta eficiência ”.

O AMX é um avião de apoio aéreo aproximado desenvolvido nos anos 80 pela então Aeritalia (46,5%) e Aermacchi (23,8%) com a Embraer do Brasil (29,7%). A aeronave AMX entrou em serviço na Itália e no Brasil no final dos anos 80.

FONTE: Leonardo

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas