Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Israel anuncia testes bem-sucedidos de sistema de defesa antimíssil avançado

Israel anunciou ter testado com êxito o sistema de defesa antimíssil Arrow 3, capaz de interceptar mísseis balísticos fora de atmosfera, comunicou o jornal The Times of Israel.


Sputnik

Nesta terça-feira (22), o Ministério da Defesa de Israel chamou os testes do míssil antibalístico exoatmosférico Arrow 3 (Seta 3) de "acontecimento importante" para a capacidade israelense de se defender contra "ameaças existentes e futuras na região".


Sistema de defesa antimíssil israelense Arrow 3
Lançamento de míssil Arrow 3 © AP Photo/ Israel Aircraft Industries

O Arrow-3 é parte do sistema de vários níveis desenvolvido por Israel para se defender de foguetes e mísseis de curto e médio alcance lançados da Faixa de Gaza e do Líbano, bem como de mísseis iranianos de longo alcance. Ele já incorpora os sistemas Iron Dome, David's Sling e Arrow-2, comunicou o jornal.

O Arrow-3 foi elaborado pela empresa Israel Aerospace Industries, fabricante israelense de aeronaves militares e civis, e pela corporação norte-americana Boeing. O míssil se tornou operacional em janeiro de 2017. Israel já posicionou o Arrow para resistir aos mísseis sírios.

O teste do Arrow 3 teve lugar apenas um dia depois do ataque israelense contra supostos alvos iranianos no território sírio.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas