Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

Israel atacou vários sistemas de defesa aérea Pantsir-S1 na Síria (VIDEOS)

As Forças de Defesa de Israel (IDF) confirmaram que atacaram várias das baterias de defesa aérea Pantsir-S1 das Forças Armadas sírias em Damasco, no dia 21 de janeiro


Poder Aéreo

Em 21 de janeiro, a IDF afirma ter atingido alvos iranianos e sírios em Damasco, incluindo o avançado sistema de defesa aérea Pantsir-S1.


As IDF disseram que a operação durante a madrugada teve como alvo a Força de Quds de elite da Guarda Revolucionária Iraniana, bem como as defesas aéreas sírias. Quatro pessoas morreram.

“Durante o nosso ataque, dezenas de mísseis terra-ar sírios foram lançados, apesar de avisos claros para evitar esse tipo de reação. Em resposta, também atacamos várias baterias de defesa aérea das Forças Armadas sírias”, disse o comunicado militar.

Além disso, militares israelenses divulgaram imagens mostrando os vários sistemas de defesa antimísseis Pantsir-S1 (SA-22, de acordo com a designação da Otan) de fabricação russa atingidos diretamente durante um ataque aéreo israelense na Síria.

O Pantsir-S1 é um sistema de mísseis/canhões combinados e avançados, de fabricação russa, do tipo móvel em caminhões 8×8. O sistema de arma transportável/SAM inclui até 12 mísseis superfície-ar dispostos em dois grupos de 6 tubos na torre e um par de canhão de 30 mm.

Este não é o primeiro caso em que a Força Aérea Israelense destrói o sistema Pantsir-S1 com impunidade.

Em 10 de maio de 2018, caças israelenses atingiram vários alvos militares na Síria, incluindo o sistema russo Pantsir-S1.



Comentários

Postagens mais visitadas