Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Militares russos encontram armas de terroristas em depósito na província síria de Daraa

Soldados russos encontraram na Síria um esconderijo de armas antitanque na província de Daraa, que foi deixado para trás pelos terroristas que se renderam, relatou a repórteres Valery Shkolnik, representante das Forças Armadas da Federação da Rússia.


Sputnik

"Aqui é apresentado arsenal que, nas últimas 24 horas, foi apreendido de alguns grupos armados e que foi anteriormente vendido para atos terroristas no território das províncias meridionais da República Árabe da Síria, incluindo na província de Daraa", declarou a autoridade russa, apresentando parte do arsenal encontrado.


Armamentos abandonados por radicais na província de Daraa (foto do arquivo)
© Sputnik / Ilya Smagin

Segundo Valery Shkolnik, no depósito de terroristas havia granadas antitanque, um lança-granadas antitanque, um contêiner do míssil guiado antitanque TOW-2, que é capaz de atingir alvos a 4 km, e granadas de mão caseiras.

Além do mais, foram encontrados foguetes de 122 mm para lançadores múltiplos de foguetes, minas de 120 milímetros, bolsas para transporte granadas para um lançador de granadas propulsadas RPG-7 e outros armamentos.

"Todas as armas encontradas serão destruídas em breve no polígono", afirmou Shkolnik. O representante das Forças Armadas da Rússia também relatou a geografia das munições e armas apreendidas: de acordo com as marcas, nas mãos dos terroristas foram parar artilharia dos antigos membros do Pacto de Varsóvia e minas americanas e francesas.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas