Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

Princípio de incêndio na fragata Rademaker em Itajaí deixa vítimas intoxicadas

Um navio da Marinha do Brasil, que está atracado no Porto de Itajaí, teve um princípio de incêndio nesta quinta-feira à tarde. 


Por Dagmara Spautz | NSC Total

O incidente ocorreu na Fragata Rademaker, e segundo informações dos Bombeiros cerca de 20 pessoas se intoxicaram por inalação de fumaça. Sete vítimas foram levadas ao Hospital Marieta Konder Bornhausen por ambulâncias dos Bombeiros e do Samu. Duas delas inspiravam maior antenção, de acordo com a equipe de resgate.


Outras pessoas, que tinham um grau mais leve de intoxicação, foram atendidas no local por equipes médicas. Inclusive a do helicóptero Arcanjo, que participou da ocorrência. Segundo informações preliminares, ainda não confirmadas pela Marinha, o incêndio ocorreu na cozinha da embarcação. 

A operação Aspirantex, da qual participa a fragata Rademaker, envolve cerca de 2 mil militares e 319 Aspirantes da Escola Naval, que experimentam a vida e a rotina dos navios da Esquadra.

A Aspirantex 2019 visita os portos de Montevidéu, no Uruguai, Rio Grande, Itajaí e Paranaguá, e tem duração de 20 dias. Durante esse período são feitos exercícios de caráter militar, como operações com aeronaves, transferência de óleo combustível e água no mar, manobras táticas entre os navios, exercícios de tiro, exercícios de combate a incêndio, entre outros.

Há três navios da operação atracados em Itajaí. Além da fragata Rademaker, há uma embarcação no píer turístico e outra na Delegacia da Capitania dos Portos. O Porto de Itajaí ressalta, por meio da assessoria de imprensa, que o incidente não tem relação com as atividades portuárias.

Leia na íntegra a nota divulgada pela Marinha do Brasil:

A Marinha do Brasil, por intermédio do Comando em Chefe da Esquadra, informa a ocorrência de um princípio de incêndio, na cozinha da Fragata Rademaker, no dia de 17 de janeiro, que foi prontamente debelado pelo pessoal de bordo.

Seis militares foram encaminhados para o Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhaunsen, por terem inalado fumaça, mas encontram-se com quadro de saúde estáveis, sem queimaduras nas vias aéreas e em observação.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas