Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Sistema russo de artilharia autopropulsada quebra recorde de alcance

O novo sistema russo de artilharia autopropulsada Koalitsiya-SV demonstrou um impressionante alcance de tiro durante exercícios militares, informa o portal Russkoe Oruzhie, citando mídias locais.


Sputnik

Como se diz na publicação do portal, o sistema autopropulsado russo pode atingir alvos inimigos a uma distância significativamente maior do que se pensava anteriormente.


Canhão autopropulsado russo Koalitsiya-SV (foto do arquivo)
Koalitsiya-SV © Sputnik / Pavel Lisitsin

"Os alvos podem ser atingidos a uma distância de até 80 quilômetros", indica um especialista militar citado pelo portal.

De acordo com dados previamente publicados, acreditava-se que o sistema autopropulsado Koalitsiya-SV de 152 mm possuía um alcance de 70 km. O novo sistema de artilharia pode funcionar em regime de "barragem de fogo", ou seja, disparos massivos em cadência contínua.

O sistema permite disparar projéteis sob diferentes ângulos de forma a que atinjam simultaneamente o alvo. Como resultado, o inimigo é sujeito a um ataque massivo. Além disso, o sistema possui uma torre que pode ser controlada remotamente através de um sistema de comando e controle unificado.

O sistema autopropulsado é capaz de lançar mais de 11 projéteis por minuto, ressaltando que os projéteis possuem elevada potência e podem ser guiados por satélite, além de possuírem um sistema de pontaria automatizado.

Os especialistas já haviam reconhecido que o Koalitsiya-SV simplesmente não dará ao inimigo uma chance de retaliar. Este sistema supera os análogos dos países da OTAN em alcance e cadência de tiro, sendo capaz de atacar sem entrar na zona de destruição de armas inimigas.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas