Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump reconhece soberania de Israel sobre Colinas de Golã

Ao lado de Netanyahu, presidente dos EUA contradiz décadas de política externa e reconhece a soberania de Israel sobre o território, ocupado em 1967 e anexado em 1981. Síria vê ataque a sua integridade territorial.
Deutsch Welle

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu formalmente nesta segunda-feira (25/03) a soberania de Israel sobre as Colinas de Golã, um território disputado com a Síria e que Israel anexou em 1981.

O governo do presidente sírio, Basahr al-Assad, respondeu de imediato e afirmou que a decisão é um ataque à soberania e à integridade territorial da Síria.

O decreto de reconhecimento foi assinado no início de um encontro com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, em Washington. Trump justificou a medida com as "ações agressivas" do Irã e de grupos "terroristas" contra Israel.

Netanyahu disse que se trata de um dia histórico e que Trump é o melhor amigo que Israel já teve.

Em Israel, o reconhecimento pode significar um forte i…

Novíssimo navio não tripulado da China seria aviso para EUA? (VIDEO)

A empresa de construção naval China Shipbuilding, junto com a Offshore International Company, apresentou na exposição internacional de defesa IDEX 2019 em Abu Dhabi um modelo do seu navio de ataque não tripulado JARI USV.


Sputnik

A embarcação é capaz de atingir velocidades de até 42 nós (78 km/h), tendo autonomia de até 500 milhas náuticas, de acordo com o portal Defence News.


JARI USV | Reprodução

O navio não tripulado de 15 metros de comprimento pesa 20 toneladas. O JARI USV pode ser usado para cumprir tanto tarefas antiaéreas, como antissubmarino.

O navio está dotado de um sensor eletro-óptico na parte superior da estrutura, radar de matriz faseada e sonar. Além disso, a embarcação possui oito células de lançamento vertical, lançadores de torpedos e de mísseis e uma metralhadora.

De acordo com a edição, o JARI USV pode representar uma resposta da China às tentativas contínuas da Marinha dos EUA de aplicar tecnologias não tripuladas para combate à superfície e debaixo d’água em zonas de difícil acesso, tais como no mar do Sul da China.

No vídeo dedicado ao robô naval, o JARI USV ataca um navio semelhante às embarcações norte-americanas LCS.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas