Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump diz que novas sanções dos EUA sobre Irã miram líder supremo

O presidente norte-americano, Donald Trump, disse nesta segunda-feira que os Estados Unidos estão impondo novas sanções sobre o Irã, em meio a uma escalada nas tensões entre os dois países.
Por Steve Holland | Reuters 
WASHINGTON: Trump disse a repórteres que as sanções, que têm como alvo o líder supremo iraniano, aiatolá Ali Khamenei, são em resposta à derrubada de um drone norte-americano na semana passada.

'Radar voador' russo levanta voo e realiza testes preliminares

O novo avião de vigilância russo, A-100, conhecido como “radar voador”, realizou seu primeiro voo durante testes preliminares.


Sputnik

Durante o voo, o avião foi submetido a testes dos sistemas de navegação da aeronave, controle automático, comunicação entre a tripulação e o solo, assim como suas características de voo.


Beriev A-100 aeronave russa de alerta e controle aéreo
Beriev A-100 Premier © Foto: United Aircraft Corporation

A nova fase de testes da aeronave envolverá os desenvolvimentos mais avançados, visto que a aeronave já realizou com sucesso as outras fases de teste, afirmou Vladimir Verba, projetista-chefe do consórcio Vega, empresa responsável pelos sistemas de radar do avião.

Além disso, Vladimir Verba ressalta o avanço tecnológico da Rússia, que inclusive supera outras tecnologias mundiais em alguns aspectos-chave.

O A-100 contará com um sistema de navegação digital, uma "cabine de vidro", um novo localizador de banda dupla com um conjunto de antenas em fase.

"São poucos os países no mundo que produzem este tipo de equipamento aeronáutico. O nível do complexo russo mais inovador pode ser considerado como insuperável", afirmou o diretor industrial do grupo de aviação da Rostec, Anatoly Serdyukov.

O avião A-100 de alerta e controle (AWACS) foi desenvolvido a partir da aeronave Il-76MD-90A. Está dotado de um sistema de radar desenhado pelo consórcio Vega para detectar e seguir diversos alvos simultaneamente, bem como para guiar aviões de combate em missão contra alvos aéreos, terrestres e marítimos.

Segundo havia informado antes o Ministério da Defesa da Rússia, as entregas dos A-100 às Forças Armadas começarão em 2020.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas