Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump não precisa de autorização do Congresso para declarar guerra ao Irã, diz analista

Donald Trump pode não precisar do aval do Congresso para declarar guerra contra o Irã, algo que seus conselheiros "vêm construindo discretamente" um caso em meio a sanções crescentes, informa Jonathan Allen, da NBC News.
Sputnik

O articulista afirma que os principais elementos do plano incluem ligar a al-Qaeda ao Irã para retratar a República Islâmica como uma ameaça terrorista aos EUA, "o que é exatamente o que as autoridades do governo vêm fazendo nas últimas semanas".

"Isso poderia dar a Trump a justificativa que ele precisa para combater o Irã sob a resolução de uso de força de 2001, sem aprovação do Congresso", Allen argumenta, acrescentando que o Congresso dificilmente concederá ao presidente americano "nova autoridade para atacar o Irã nas circunstâncias atuais ”.

Os comentários do autor vêm depois que o New York Times citou vários altos funcionários norte-americanos não identificados dizendo que “[o presidente Donald] Trump foi firme em dizer que…

Royal Air Force se prepara para a despedida do Tornado

A Royal Air Force divulgou imagens impressionantes de uma formação única de aeronaves para celebrar os quarenta anos de serviço do jato de ataque Tornado GR4.


Poder Aéreo

Quando o Tornado for retirado do serviço em 31 de março de 2019, ele levará ao fim quatro décadas de serviço durante o qual a aeronave formou a espinha dorsal do poder aéreo do Reino Unido. Três variantes de treinamento do Tornado receberam marcações especiais, incluindo um esquema de camuflagem que o Tornado ostentou em seu início de carreira.



“Eu estou imensamente orgulhoso por ter liderado a formação ‘Tail Art’, nosso primeiro evento que celebra a iminente aposentadoria do Tornado depois de quase 40 anos de serviço.
“O sucesso da surtida foi confirmado pelo excelente suporte da Força Total na RAF Marham, que continua focado em sustentar as operações da Tornado e está tão comprometido hoje quanto em 1982 quando o primeiro Tornado chegou à Estação.”
Capitão do Grupo Ian (Cab) Townsend
Station Commander na RAF Marham – liderou a formação em imagens

O Tornado entrou pela primeira vez no serviço da RAF em 1979, principalmente na função de ataque nuclear e na interdição durante a Guerra Fria. Sua estreia em combate na Guerra do Golfo de 1991 marcou um período de operações quase constantes que continuam até hoje.

Cerca de 28 anos depois dessas primeiras missões para ajudar a libertar o Kuwait, os dois esquadrões de Tornado, IX(B) e 31 restantes da RAF, permanecem em operações no Oriente Médio totalmente comprometidos com a luta contra o Daesh como parte do esforço da Coalizão Global.

“Eu não tinha nascido quando o Tornado entrou em serviço pela RAF. Foi um privilégio participar do programa de treinamento de hoje que também capturou imagens fantásticas desta aeronave icônica. Será um dia triste para todos nós quando o Tornado desligar seus motores pela última vez.”
Flight Lieutenant Nathan Shawyer, 27
Último piloto para se qualificar no Tornado

Tornados da RAF e suas equipes em 1989, na base RAF Laarbuch. Naquela época, a Royal Air Force tinha 430 jatos Tornado GR1 e F3 e mais 600 outros jatos de combate!

FONTE: Royal Air Force

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas