Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Rússia fornece à Venezuela medicamentos e equipamento médico, segundo fonte

A Rússia forneceu à Venezuela medicamentos e equipamento médico. O carregamento chegou nesta quarta-feira (20) ao aeroporto de Caracas, comunicou à Sputnik uma fonte da diplomacia russa.


Sputnik

"O carregamento [se encontra] no aeroporto de Caracas. Trata-se de um fornecimento de nossos medicamentos e equipamentos no âmbito da Organização Mundial de Saúde", comunicou o interlocutor da agência.


Equipe de resgate descarregando ajuda humanitária (foto de arquivo)
© Sputnik / Pavel Didenko

Nesta segunda-feira (18), o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou que a Rússia iria enviar 300 toneladas de ajuda humanitária à Venezuela.

Na sexta-feira passada (15), o ministro da Saúde venezuelano, Carlos Humberto Alvarado González, comunicou que a ajuda humanitária composta por medicamentos provenientes dos países aliados, inclusive da Rússia, chegou à Venezuela.

A oposição da Venezuela insiste na abertura imediata de canais humanitários para a entrega da ajuda humanitária proveniente dos EUA, que está sendo concentrada na fronteira entre a Venezuela e a Colômbia, na área da ponte lacrada de Las Tienditas.

As autoridades venezuelanas dispensaram a ajuda humanitária americana, qualificando-a como "um show na fronteira".

O líder da Assembleia Nacional da Venezuela, Juan Guaidó, que se autoproclamou presidente interino, havia anunciado que em 23 de fevereiro a ajuda humanitária dos EUA entraria no país.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas