Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

General americano anuncia modernização do exército por causa da Rússia e China

Os EUA planejam modernizar Exército devido a um crescimento da Rússia e da China, afirmou o diretor do Centro de Aperfeiçoamento de Habilidades de Combate, tenente-general do Exército, Eric Wesley.


Sputnik

De acordo com ele, nos últimos 15 anos, o Exército dos EUA se focou no "sistema de brigada" e no combate de formações terroristas.


Soldado do Exército dos EUA
© AP Photo / Visar Kryeziu

O general apontou que, para lutar contra adversários mais sérios, são necessárias uma estrutura mais complexa e uma tática de luta.

Segundo Wesley, as ações de combate em massa preveem, em particular, a criação de divisões, corpos e exércitos de área. Portanto, nos próximos anos, o Exército dos Estados Unidos precisará adaptar seus métodos conforme a doutrina de "operações multidomínios".

Nesta semana surgiram informações de que a Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa (DARPA) pretende revigorar programa de contenção da Rússia na Europa, que emergiu pela primeira vez durante a Guerra Fria.

O conceito sustenta a estratégia do programa Assault Breaker para criar armas "inteligentes" e de alta precisão, que deveriam parar unidades mecanizadas e tanques soviéticos em caso de início de ataque do Exército Vermelho à Europa.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas