Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump reconhece soberania de Israel sobre Colinas de Golã

Ao lado de Netanyahu, presidente dos EUA contradiz décadas de política externa e reconhece a soberania de Israel sobre o território, ocupado em 1967 e anexado em 1981. Síria vê ataque a sua integridade territorial.
Deutsch Welle

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu formalmente nesta segunda-feira (25/03) a soberania de Israel sobre as Colinas de Golã, um território disputado com a Síria e que Israel anexou em 1981.

O governo do presidente sírio, Basahr al-Assad, respondeu de imediato e afirmou que a decisão é um ataque à soberania e à integridade territorial da Síria.

O decreto de reconhecimento foi assinado no início de um encontro com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, em Washington. Trump justificou a medida com as "ações agressivas" do Irã e de grupos "terroristas" contra Israel.

Netanyahu disse que se trata de um dia histórico e que Trump é o melhor amigo que Israel já teve.

Em Israel, o reconhecimento pode significar um forte i…

Israel bombardeia Gaza em retaliação ao ataque de mísseis

O Exército israelense informou na manhã desta sexta-feira que lançou ataques contra "locais terroristas" na Faixa de Gaza.


Sputnik

Mais cedo nesta quinta-feira, alarmes antiaéreas dispararam na capital israelense pela primeira vez desde 2014. Os militares israelenses afirmaram ter registrado "dois lançamentos de mísseis da Faixa de Gaza em direção ao território israelense…"


Caça F-35 da Força Aérea de Israel, conhecido como Adir, em 6 de dezembro de 2016 (imagem de arquivo)
CC0 / Robert Sullivan / Israeli F-35 “Adir” receives fuel

De acordo com testemunhas oculares palestinas, citadas pela Reuters, várias explosões foram ouvidas na madrugada desta sexta-feira. Elas alegaram se tratar de um ataque dos caças das Forças de Defesa de Israel contra as posições do Hamas.

Notadamente, o Hamas informou em um comunicado, citado pela Reuters, que o grupo "não foi responsável pelo lançamento dos mísseis de hoje à noite contra o inimigo". Segundo o grupo, os mísseis foram lançados durante "uma reunião entre a liderança do movimento Hamas e a delegação do Egito", na qual se discutiu a situação da segurança na Faixa de Gaza.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas