Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

Exército dos EUA vai se livrar de todos os seus helicópteros Black Hawk UH-60A até 2024

Oficiais generais do Exército dos EUA (US Army) disseram ao Subcomitê de Serviços Armados do Senado em 2 de abril que o Serviço vai alienar seus helicópteros UH-60A (Alpha) até 2024.


Forças Terrestres

Em resposta a uma pergunta do senador Richard Blumenthal, o tenente-general Paul Ostrowski, diretor militar principal do secretário assistente do Exército e diretor do Corpo de Aquisições do Exército, disse que o Exército dos EUA planeja se livrar de todas os seus UH-60 modelo A Black Hawks da Guarda Nacional no ano fiscal de 2022 e da força ativa em 2024.

Sikorsky UH-60A Black Hawk
Sikorsky UH-60A Black Hawk

Durante uma audiência no Comitê de Serviços Armados do Senado, o tenente-general Paul Ostrowski também acrescentou que, até 2024, todos os helicópteros modelo Alpha estarão fora das forças ativas também.

O primeiro UH-60A foi aceito pelo US Army em 1978 e entrou em serviço em 1979, quando foi entregue aos componentes de aviação da 101ª e 82ª Divisão Aerotransportada.

O modelo Alpha do Black Hawk tem sido o helicóptero utilitário da linha de frente do Exército dos EUA há 40 anos.

Desde então, o Black Hawk acumulou mais de 9 milhões de horas totais de frota e apoiou soldados em todas as principais operações de contingência executadas pelo Exército, incluindo Granada, Panamá, Iraque, Somália, os Bálcãs, Afeganistão e todo o Oriente Médio.

Hoje, o UH-60 Black Hawk compõe a maior frota de asa rotativa do US Army, com mais de 2.100 aeronaves no inventário atual. Como a produção do modelo H-60M mais atual continua, ao longo dos próximos anos, o Exército irá alienar suas aeronaves UH-60A e L remanescentes, para serem substituídas por 760 UH-60Vs.

“No futuro, a intenção é também converter todas as aeronaves Lima em modelos Victor”, disse Ostrowski. “Entre Mikes e Victors, na década de 2030, teremos feito a transição tanto da ativa quanto da Guarda Nacional para os modelos Victor ou Mike dentro do nosso Exército.”

FONTE: Defence Blog

Helicóptero Sky Cop - Cardoso

Helicóptero Sky Cop - Cardoso

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas