Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa do Brasil tem maior gasto com pessoal na década, e investimento militar cai

Despesas com ativos e inativos crescem R$ 7,1 bi em 2019, reflexo de aumento salarial
Por Igor Gielow e Gustavo Patu | Folha de S.Paulo

A previsão de gasto militar para o primeiro ano de governo do capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro (PSL) traz o maior aumento de despesa com pessoal em dez anos e uma redução expressiva do investimento em programas de reequipamento das Forças Armadas.
Não fosse uma criatividade contábil dos militares, que conseguiram recursos com a capitalização de uma estatal para comprar novos navios, a despesa de investimento seria a menor desde 2009.

A Folha analisou a série histórica com a ferramenta de acompanhamento orçamentário Siga Brasil, do Senado. Para este ano, o Ministério da Defesa, ainda na gestão Michel Temer (MDB), planejou gastar R$ 104,2 bilhões, o quarto maior volume da Esplanada.

Desse montante, R$ 81,1 bilhões irão para pessoal, R$ 13,3 bilhões, para gastos correntes (custeio) e R$ 9,8 bilhões, para investimentos. Os valores não incluem o con…

Governo de União Nacional da Líbia e Exército de Haftar trocam ataques aéreos

A Força Aérea do Governo de União Nacional líbio realizou ataques aéreos contra uma base do Exército Nacional da Líbia (LNA), comandado pelo marechal Khalifa Haftar, perto do aeroporto velho de Trípoli, disse à Sputnik uma fonte militar.


Sputnik

Segundo a fonte, a operação foi realizada em resposta ao avanço do LNA em direção a Trípoli.

Resultado de imagem para Exército Nacional da Líbia (LNA)
Reprodução

Ao mesmo tempo, de acordo com o interlocutor da Sputnik, o exército de Haftar também iniciou uma operação no espaço aéreo sobre a capital do país, cujos alvos são posições de grupos armados e seu material bélico.

Fontes locais confirmaram à Sputnik terem sido avistados aviões militares provenientes do lado do povoado de Wadi al-Rabie, controlado pelo LNA.

A missão da ONU na Líbia, por sua vez, exigiu um cessar-fogo de duas horas entre as partes em conflito para evacuar as vítimas.

A ofensiva do LNA começou na quinta-feira (4), quando Khalifa Haftar ordenou que suas forças lançassem uma ofensiva contra Trípoli para a "libertar dos terroristas".

O conflito entre as facções continua escalando apesar das conversações que Haftar e o primeiro-ministro líbio Fayez Sarraj, que lidera o Governo de União Nacional, apoiado pela ONU, realizaram em fevereiro. Durante as negociações, as partes concordaram em unir as instituições estatais e realizar eleições gerais no país até o final do ano.

Avião Mustang 6 em 1 Zippy Do Laser Pegs

Avião Mustang 6 em 1 Zippy Do Laser Pegs

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas